Junho | 2015 • Boletim Mensal • 24ª edição

Caro leitor,

O portal Informast deste mês traz como destaque uma homenagem ao meteorito Santa Luzia, que está no Museu de Astronomia e Ciências Afins desde dezembro de 2010 e logo se despedirá, voltando ao Museu Nacional/UFRJ.

Seguindo com as homenagens ao grande extraterrestre de ferro, adotado pelo MAST por tanto tempo, a coluna Observando o MAST conta a história do descendente direto do Cinturão de Asteróides do Sistema Solar, encontrado em Goiás em 1927.

O Além do Céu volta ao tema dos objetos menores que podem ser encontrados no nosso sistema planetário. A coluna explica as origens dos cometas e asteróides, e suas regiões de maior concentração.

Vale a pena conferir o Cine Ciência deste mês, que apresentará, no dia 13, o filme Interestelar, um sucesso recente de Hollywood que aborda temas complexos nos campos da Física e Astronomia.

O vídeo do Especial MAST 30 Anos lembra o Grupo Mundo da Lua, que utilizava a criatividade para divulgar a ciência através de histórias infantis que atraiam crianças e pais curiosos.

O Ciência que Eu Faço traz uma entrevista com Eduardo Resende Secchi, Oceanólogo que trabalhou com populações marinhas na Antártica. Sonho que guardava consigo desde a graduação.

No Papo de Cúpula, a antropóloga e pesquisadora do MAST Priscila Faulhaber comenta a realização da vigésima edição da jornada PIBIC, nos dias 29 e 30 deste mês. Em comemoração aos 20 anos do evento, ex-bolsistas participarão de um painel especial.

Aconteceu no MAST a 13ª Semana Nacional de Museus, culminando no tradicional Turismo Cultural no Bairro Imperial de São Cristóvão, que atraiu milhares de pessoas ao Museu nos dias 23 e 24 de maio.

Leia o Portal InforMAST!

Arquivo InforMAST
Papers e Periódicos

Restauração do círculo meridiano de Gautier e reabilitação do pavilhão correspondente – Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST)

Marcus Granato; Ive Luciana Coelho da Costa; Antonio Carlos Martins; Durval Costa Reis; Cristiane Suzuki
Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material
vol.15 no.2 São Paulo July/Dec. 2007

Base de dados MAST

Museu de Astronomia abre inscrições para o 7º Curso de Extensão para Professores

Neste ano, o curso contará com uma edição especial voltada ao tema dos povos indígenas brasileiros. Além de aulas expositivas, haverá uma oficina para a construção de modelos didáticos de relógios de Sol. As inscrições são gratuitas!

VALE A PENA CONFERIR

MAST promove evento de despedida do Meteorito de Santa Luzia

Uma programação especial com exposição de meteoritos, palestra, oficinas, e o Programa de Observação do Céu! As atividades são gratuitas e direcionadas a todas as idades!
Leia mais...

Cine Ciência apresenta: Interestelar

No Cine Ciência deste mês, o filme Interestelar, que trata de assuntos como a busca por outros planetas habitáveis, os complexos buracos de minhoca e as distorções do tempo e espaço em um buraco negro. Depois do filme, haverá um debate com o professor Gerson Bazo Costamilan, do Instituto Militar de Engenharia (IME).
Leia mais...

MAST realiza a 7ª edição do Encontro de Arquivos Científicos

De 24 a 26 de junho, o MAST e a Fundação Casa de Rui Barbosa realizam o VII Encontro de Arquivos Científicos que tem como tema central “Gestão de documentos e Acesso à informação: desafios e diretrizes para as instituições de ensino e pesquisa”.
Leia mais...

MAST e IFRJ promovem o Curso “Mediação em Centros de Ciência e Museus de C&T”

O curso de extensão será realizado de 06 de julho a 16 de novembro. As inscrições para o processo seletivo são gratuitas e podem ser realizadas até o dia 23 de junho.
Leia mais...

Papo de Cúpula
Priscila Faulhaber | pesquisadora do MAST

Nos dias 29 e 30 de junho, será realizada a vigésima edição da Jornada PIBIC do Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST). Em entrevista ao Portal InforMAST, Priscila Faulhaber, pesquisadora da Coordenação de História da Ciência do MAST e coordenadora do evento, fala sobre a importância da jornada de iniciação científica para os bolsistas, orientadores e para a instituição.

Há 20 anos, como parte do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o MAST promove estas jornadas específicas.

A Jornada PIBIC consiste em um importante fórum de debates sobre os estudos e as investigações em desenvolvimento, vinculados às diversas áreas de pesquisas do MAST. É uma grande oportunidade de troca de ideias entre estudantes e pesquisadores. “Não é só um momento de avaliação, é também um momento de intercâmbio”.

Neste ano, serão apresentados 25 trabalhos distribuídos em seis sessões organizadas por temáticas. Os bolsistas fazem o relatório, o resumo, o poster e a apresentação oral de suas pesquisas desenvolvidas, dentro dos projetos institucionais, com orientação dos pesquisadores. A avaliação é feita por “bolsistas de produtividade do CNPq que tenham uma produção científica, uma familiaridade com o processo científico”.

Mas, afinal o que é avaliado na jornada? “A clareza, a objetividade, o tempo de apresentação, o domínio da bibliografia. Os avaliadores seguem uma ficha de avaliação, o relatório, e assistem à apresentação oral. De fato, são avaliados a apresentação oral e o relatório. E o projeto, quando a demanda é maior que a oferta, é também avaliado. A presença em todas as apresentações é muito importante”.

“Na apresentação oral, somente o bolsista pode falar porque é um momento de iniciação pra ele aprender a se expressar”. Ao final da jornada, há uma premiação para os três primeiros lugares e uma menção honrosa. Os premiados recebem livros publicados pela instituição e outros trazidos pelos avaliadores externos. O primeiro lugar é agraciado com o melhor livro, o mais importante.

A abertura da XX Jornada PIBIC será realizada pela diretora do MAST Heloisa Bertol e pela coordenadora do evento Priscila Faulhaber. Em seguida, haverá a palestra “Construção de identidade: comemoração, memória e patrimônio” que será proferida por Lucia Lippe de Oliveira, pesquisadora do Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil (CPDOC) da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Os trabalhos, desenvolvidos a partir de pesquisas em História da Ciência, Museologia e nas áreas de educação em ciências em espaços não formais e de divulgação da ciência e da tecnologia, serão apresentados em seis sessões, três a cada dia. Haverá também o lançamento do site do projeto “Território, ciência e nação (1870-1930)”, coordenado pela pesquisadora Moema de Rezende Vergara.

Será realizado um painel com ex-bolsistas em comemoração aos 20 anos da Jornada PIBIC do MAST, no qual participarão Márcio Rangel (MAST), Andrea Costa (Museu Nacional), Jose Leandro Cardoso (Ginásio Carioca Nilo Peçanha); Ana Cristina Audebert Ramos de Oliveira (UFOP) e Ana Raquel de Souza Monteiro (L’ORÉAL Research & Innovation). “É um incentivo aos bolsistas. Ter contato com pessoas com uma trajetória acadêmica”.

“A jornada apresenta os resultados dos trabalhos de pesquisa dos bolsistas de iniciação científica. É importante que todos participem, que todos estejam presentes nesta dinâmica institucional. É uma oportunidade de descobrir vocações. A jornada é um lugar para pessoa testar sua capacidade de difundir o conhecimento”.

PROGRAMAÇÕES EDUCATIVAS SEMANAIS

Planetário inflável digital

1º e 2º sábado - 15h e 17h
1º e 2º domingo - 15h e 17h
5º domingo - 15h, 16h e 17h

Ciclo de palestras

1º sábado - 16h

Programa de Observação do Céu

Sábado e quarta - 17h30 às 20h
2º sábado - 18h30 às 20h

Brincando de matemático

3º domingo - 16h

Visita orientada

3º, 4º e 5º sábado - 15h e 17h
1º e 2º domingo - 16h
3º, 4º e 5º domingo - 15h e 17h

Cine ciência

2º sábado - 15h

ASTROmania

3º sábado - 16h

Cozinhando com a ciência

4º sábado - 16h

Faça você mesmo

4º domingo - 16h

A Ciência que eu Faço

O projeto coordenado pela jornalista Vera Pinheiro reúne uma série de entrevistas, em formato de filmes de curta duração, voltadas para professores e estudantes do ensino fundamental e do ensino médio, mostrando a ciência que se faz no nosso país, em especial, as pesquisas que estão sendo realizadas nas Unidades de Pesquisa ligadas ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação – ou, financiadas pelas agências ligadas ao MCTI.


Destaque do mês

Eduardo Resende Secchi

Quando criança, Eduardo costumava passar as férias no litoral. Observando a rede dos pescadores que trabalhavam por lá, ele se impressionava com a quantidade de vida que o oceano oferecia. Desde o primeiro ano de faculdade, pensava em ir para a Antártica e acabou transformando isso em um objetivo de vida, que seria alcançado algum tempo depois. A beleza do contraste entre o branco do gelo e o azul do oceano profundo e a imensa diversidade biológica, atraída pela proliferação do fitoplâncton, deixaram o pesquisador encantado com o lugar. Eduardo acredita que a partir do estudo das populações de baleia, por exemplo, nesse ambiente quase livre da interferência humana, pode-se tirar conclusões sobre assuntos globais, como as mudanças climáticas.

Assista outros depoimentos no site:
http://acienciaqueeufaco.mast.br

OBSERVANDO O MAST

No Observando o MAST, você irá conhecer a história do segundo maior meteorito do Brasil, o Santa Luzia. O meteorito, que já fez parte do grande cinturão de asteroides, pesa quase duas toneladas. Exposto no Museu de Astronomia e Ciências Afins, o objeto será removido do campus em breve.
Leia mais...

Além do Céu

A coluna Além do Céu de junho fala sobre a localização das grandes concentrações de objetos menores do Sistema Solar, como asteroides e cometas. As origens de meteoritos como o Santa Luzia, exposto no MAST até o final deste mês.
Leia mais...

Céu do mês

No mês de junho, acontece o fenômeno astronômico conhecido como Solstício. A palavra, que vem do latim (Sol + Sistere), significa “Sol que não se mexe”. Isso quer dizer que o Sol, em seu movimento aparente na esfera celeste, atinge a maior declinação em latitude, medida a partir da Linha do Equador.
Leia mais...

Especial MAST 30 anos

Neste vídeo, os contadores de história Lucia Lino, Ozana Hannesch, Telma Pains e Denilson Esposito falam sobre o Grupo Mundo da Lua que nasceu em 1997 como desdobramento do projeto Museu Conta Histórias, desenvolvido no Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST).

Aconteceu no MAST

MAST recebe 2.784 visitantes durante o Turismo Cultural

O público que visitou o MAST teve a oportunidade de se divertir e aprender ciência de forma simples e descontraída, ao participar de uma série de atividades de divulgação científica distribuídas em tendas pelo campus da instituição.
Leia mais...

Semana de Museus no MAST

Visitantes do Museu de Astronomia participaram de sessões do Planetário Inflável Digital, oficinas, visitas guiadas pelo campus, observação o Sol e o céu noturno, palestras, sessões de teatro e cinema; além das atividades oferecidas pelo Museu Nacional, ON, CETEM, CBPF e IMPA.
Leia mais...

MAST realizou a 13ª edição do Curso de Segurança de Acervos Culturais

Evento reuniu 72 profissionais diretamente envolvidos com a preservação de acervos culturais, dentre eles museólogos, arquivistas, bibliotecários, seguranças, economistas, arquitetos.
Leia mais...

MAST na Mídia
Expediente

Diretora do MAST

Heloisa Maria Bertol Domingues

Chefe do Serviço de Comunicação Social
e Atendimento ao Público

Vera Pinheiro

Idealizadores do Projeto

Lorena Kovac • Omar Martins • Vitor Dulfe

Jornalista / estagiário

Geisa Castro • Renata Bohrer • Rodrigo Pelot • Bernardo Oliveira

Projeto Gráfico | diagramação

Vitor Dulfe

Diagramadores / colaboradores

Gustavo Mamede • Rodrigo Alonso

 


Realizado pelo Serviço de Comunicação
Social e Atendimento ao Público (SCS)
do MAST

Tel.: 21•3514-5229
atendimento@mast.br
www.mast.br