Ir direto para menu de acessibilidade.
História da Ciência > Projetos de pesquisa > A expansão da Estrada de Ferro D. Pedro II e as associações técnico-científicas
Início do conteúdo da página

A expansão da Estrada de Ferro D. Pedro II e as associações técnico-científicas

Criado: Terça, 11 de Abril de 2017, 13h29 | Acessos: 7711

Coordenador: Pedro Eduardo Mesquita de Monteiro Marinho

Resumo

O primeiro módulo de nossa pesquisa teve por objeto principal de estudo a Estrada de Ferro D. Pedro II e priorizou o estudo do campo de ação da engenharia e dos engenheiros na sociedade brasileira na segunda metade do século XIX. Para tanto, partimos da análise do processo de implantação, expansão e funcionamento da Companhia Estrada de Ferro D. Pedro II e sua relação com associações técnico-científicas contemporâneas. Nos voltamos para as condições sociais em que se deram a introdução, a adaptação e a produção da tecnologia das estradas de ferro no Vale do Paraíba no período histórico indicado.

Atualmente a pesquisa se encontra em seu segundo módulo, cuja principal perspectiva é a de compreender o papel do grupo social que estudamos - os engenheiros - nas grandes obras de infraestrutura, vias de comunicação e abastecimento consolidadas ao longo da segunda metade do século XIX, em seus aspectos econômico, político, cultural e social - especialmente no que diz respeito à construção e formação do espaço urbano da cidade do Rio de Janeiro.

 


Equipe

Pedro Eduardo Mesquita de Monteiro Marinho (coordenador); Fernanda Barbosa dos Reis Rodrigues (bolsista PCI - MCTIC/MAST); Camilla Rabello (bolsista PIBIC - MAST/CNPq); Rodrigo Gomes Pinto (bolsista PIBIC - MAST/CNPq)

 

Voltar

registrado em:
Fim do conteúdo da página