Ir direto para menu de acessibilidade.
Últimas Notícias > Fim de Semana de Folia no Museu de Astronomia
Início do conteúdo da página

Fim de Semana de Folia no Museu de Astronomia

Programação carnavalesca inclui baile de carnaval infantil, oficinas de adereços, desfile de fantasias criadas nestas atividades e também o Programa de Observação do Céu

  • Criado: Segunda, 10 de Fevereiro de 2020, 14h54
  • Acessos: 572

Neste fim de semana o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) vai colocar os visitantes para cair na folia! As atrações deste e sábado (15) e domingo (16) são voltadas para que o público aqueça os tamborins para a chegada do Carnaval e se divirta em um ambiente de interação, exploração e conhecimento.

O Baile de Carnaval Infantil começa às 14h animando a criançada com a Oficina de BioGlitter, mostrando como produzir purpurina biodegradável, Oficina de Adereços Carnavalescos, para os foliões mirins criarem e enfeitarem seu próprio traje para brincar no Desfile de Fantasias, que acontece a partir das 15h30.

Após a folia, às 17h30, nossos astrônomos e mediadores vão realizar a palestra Céu do Mês, apresentando ao público o que está visível para a sua observação. Logo após o rápido bate-papo, às 18h, acontece uma das atrações de maior sucesso no MAST: o Programa de Observação do Céu. O público vai contemplar a Lua e tudo mais que estiver visível no céu por da centenária Luneta Equatorial de 21cm.

No domingo, o público mergulhar nas maravilhas do céu exibidas no espaço imersivo do Centro de Visitantes. Com as imagens projetadas em um ambiente virtual, o público tem a possibilidade de saber um pouco sobre a história da Astronomia e do próprio MAST com efeitos visuais e sonoros no ambiente que simula uma jornada pelo Universo. E para quem quer ver de perto alguns fragmentos que vieram diretamente do Espaço, a exposição Ressurgindo das Cinzas apresenta uma coleção de meteoritos recuperados do incêndio do Palácio de São Cristóvão, em setembro de 2018. A mostra exibe 39 peças do acervo do Museu Nacional, sendo 37 meteoritos metálicos e rochosos, uma adaga feita de ferro meteorítico e um totem que conta a história do famoso meteorito Bendegó.

Tem também as sessões do Planetário Inflável Digital. Dentro de cúpula, são projetadas imagens que simulam o céu noturno e ensinam sobre os movimentos dos planetas e o movimento aparente das estrelas. As sessões acontecem às 15h, 16h e 17h e são conduzidas por mediadores do MAST, que ensinam sobre as fases da Lua, as constelações, o ciclo dos dias e das noites, os planetas visíveis e as diferenças que ocorrem ao longo do tempo.


registrado em:
Fim do conteúdo da página