Ir direto para menu de acessibilidade.
Últimas Notícias > Nova edição da Revista Museologia e Patrimônio
Início do conteúdo da página

Nova edição da Revista Museologia e Patrimônio

Publicação serve como referência para quem sempre busca os debates mais atualizados na área de especialidade

  • Criado: Terça, 02 de Abril de 2019, 13h44
  • Acessos: 269

O Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio (PPG-PGMUS), da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e do Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST), acaba de lançar o primeiro número de 2019 da Revista Eletrônica Museologia e Patrimônio. Este número apresenta textos diversificados nas seções de Artigos e Relatos de Experiências.

Na seção Artigos, por exemplo, há importantes discussões sobre algumas das transformações ocorridas nos museus, na contemporaneidade, com novas funções e novos desafios para o campo da Museologia. Há também análises do modelo de gestão, como no caso do Museu de Arte do Rio (MAR), da exposição permanente, como no caso do Museu do Amanhã, e das exposições temporárias, como no caso do Museu Nacional de no MAST. No primeiro caso, os autores verificaram que esse tipo de  gestão permite maior autonomia na busca por diferentes arrecadações de verbas e patrocinadores para sua sustentabilidade e se destaca pela maior autonomia de gestão. No segundo, os autores identificaram limites na narrativa expográfica e uma aderência à agenda liberal-capitalista, com maior controle da crítica social e dos processos emancipatórios. No terceiro caso, verificaram avanços no sentido de realizar trabalhos integrados permeados por tensões internas nas instituições. Também são abordados o Núcleo de Ofiologia e Animais Peçonhentos da UFBA, o Museu Municipal do Porto (Portugal), a acessibilidade em prédios tombados e as práticas tradicionais na construções de barcos na região de Laguna (SC).

Na seção Relatos de Experiência, há um relato sobre a montagem da exposição "Como ser Moderno e Restaurar o Antigo: entendendo o palácio de Landi", desde a negociação para uso do espaço da capela do Palácio dos Governadores (Belém),passando pela captação de recursos, definição da equipe de trabalho e compatibilização entre os anseios iniciais e as possibilidades reais de execução. Também merecem destaque o texto sobre a identificação de patrimônios da cidade de Morro Redondo (Rio Grande do Sul), na visão dos idosos locais. O que se destaca nesses lugares, para além da dimensão física, é o espectro memorial, que desempenha um papel determinante na medida em que tem forte potencial mediador das relações sociais. E a abordagem de acervo de vestimentas da Casa de Rui Barbosa.

Com este novo número, a Revista Museologia e Patrimônio inicia o 12º ano de publicações ininterruptas do periódico. A publicação contribui para o aprofundamento, legitimação, valorização e divulgação de pesquisas na área de especialidade, e serve como referência para quem sempre busca os debates mais atualizados da Museologia e Patrimônio. A edição tem Marcus Granato e Diana Farjalla Correia Lima como Editores Científicos e Bruno Melo de Araújo como editor executivo.

registrado em:
Fim do conteúdo da página