XXVII Semana de Astronomia no MAST

Programação gratuita oferece atividades interativas e palestras com especialistas da área científica para mostrar muitas curiosidades sobre o Universo de maneira lúdica ao público

Para debater temas de astronomia, apresentar as mais recentes descobertas na área e aproximar a ciência dos cidadãos, o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) promove a XXVII Semana de Astronomia (SEMA). A iniciativa acontece de 13 a 17 de agosto, e conta com a participação de astrônomos de diversos países e instituições de pesquisa que vão dedicar cinco dias para explorar as diferentes formas de divulgação científica sobre o tema ao lado do público. A programação é gratuita e oferece atividades interativas e palestras com especialistas da área científica que vão debater muitas curiosidades sobre o Universo de maneira lúdica para crianças, jovens e adultos.

O tema desta vigésima sétima edição da SEMA é “O Pálido Ponto Azul“, inspirado na perspectiva do famoso astrônomo Carl Sagan sobre o planeta Terra. Se por um lado a astronomia aponta seus poderosos telescópios para a imensidão do espaço para compreender o Universo, por outro, com imagens de satélites e de missões espaciais a outros mundos podemos voltar nossos instrumentos para o nosso próprio planeta e contemplá-lo. E movido pelas grandes lições de humildade de Carl Sagan, mostrando que no pálido ponto azul não se veem fronteiras nem pessoas, a SEMA também vai abordar a preservação do ecossistema da Terra e a necessidade urgente para que possamos garantir nossa própria sobrevivência. E isso passa pelo reconhecimento e aceitação da diversidade humana e do convívio harmonioso entre os mais diversos povos, com suas práticas culturais e anseios diversos.

Confira a programação completa.

Com esse viés, a SEMA pretende celebrar a diversidade e a interculturalidade tão necessárias para o avanço das ciências e consequentemente da astronomia. O mês de agosto foi escolhido para a realização do evento, pois neste período estarão visíveis no céu os planetas Júpiter e Saturno. Além disso, por ser um período de menor precipitação no Rio de Janeiro, há maiores chances de céus limpos para a observação do céu!

Há também uma programação específica para professores para discutir a multiculturalidade e internacionalidade a partir da astronomia. Grupos escolares e instituições de educação infantil que desejam participar desta iniciativa devem fazer o agendamento com o Núcleo de Público do MAST (e-mail: alanremedio@mast.br e telefone: (21) 3514-5229).

Professores que quiserem participar do “Dia do Professor” devem se inscrever através do formulário: https://bit.ly/2MgMs2V. As inscrições são gratuitas e vagas são limitadas.